Entrevista: “Voando para Krios na imaginação de Marcia Silva”

Em 26 de outubro de 2018, Marcia Silva lançou o primeiro dos livros da Série Krios: Interferência. Este ano, na Bienal do livro, em 8 de setembro, o segundo livro veio à luz: Traição. Trata-se de uma empolgante história de ficção científica, mas recheada de intriga, romance e muitas reflexões políticas, sociais e ambientais.

Hoje, no Tecendo o verbo, trazemos um breve bate-papo com a autora e um convite a que procurem e leiam a obra. Vale a pena!!!


Cristina: Oi, Márcia! É um prazer trazê-la ao ToV. Obrigada por ter aceito o convite!

Márcia: Oi, Cristina! O prazer é meu. É sempre ótimo poder falar um pouquinho sobre meus livros e aproveitar para incentivar os jovens a ler mais. Obrigada pela oportunidade.

Cristina: Você sempre escreveu ficção? Qual é a história da literatura na sua vida?

Márcia: Esses são meus primeiros livros. Embora a literatura sempre tenha feito parte da minha vida, como leitora ávida, como profissional da Letras e como professora, foi em 2013 que comecei a me imaginar como escritora e em 2015 que comecei realmente a transformar ideias em palavras.

Cristina: Você tem uma longa experiência no magistério e na academia. Como é essa transição ou convivência entre seus atuais dois mundos: o acadêmico e o artístico?

Márcia: Já são 25 anos de magistério. Trouxe muito do que aprendi em termos acadêmicos e, especialmente, da Cultura Clássica e da História Antiga para a minha narrativa. Não só como conteúdo, mas também incentivando a importância da preservação e do conhecimento do passado para que possamos construir um futuro melhor. Como professora, pesquisadora e, agora, também escritora, busco sempre alertar para o valor da memória do que nós fomos para atingir melhor quem nós queremos ser. Nesse sentido, o mundo acadêmico e o artístico se completam.

Cristina: Sem dar spoiler, mas atiçando a curiosidade dos seus futuros leitores, como surgiu a inspiração para criar a série Krios?

Márcia: Quando minha filha se tornou adolescente, passei a compartilhar com ela as leituras. A primeira delas foi a série Percy Jackson, de Rick Riordan, que traz para o público adolescente a Mitologia Grega. Ao ler os livros, fui despertada para o desejo de escrever para o público jovem e surgiu a personagem Dora Dias. Depois, ela começou a se interessar pelas distopias, como “Jogos Vorazes”, de Suzanne Collins, e decidi que minha narrativa seria no futuro, mas não um futuro desastroso como das distopias e sim um futuro em que reinava a paz e a igualdade que podem ser desestabilizadas pela convivência com seres de outros planetas, pela ânsia de domínio e pelo egocentrismo humanos. As ideias foram surgindo aos poucos e ficaram mais de um ano sendo amadurecidas para, somente no início de 2015, começarem a ir para o papel.

Cristina: Hoje, com a internet, muita gente pode tornar públicas suas produções, sejam textos, músicas, fotografias, desenhos, performances. Que conselhos e sugestões você gostaria de dar, com base na sua experiência, aos jovens artistas e criadores?

Márcia: Não sou muito boa nessa história de internet. Aqui em casa conto com a ajuda da universitária (kkkkkk), minha filha Thaís. Mas a divulgação hoje em dia é muito mais fácil. Dá para publicar livro digital de forma totalmente gratuita, é só procurar que tem até vídeo ensinando. É também possível fazer parcerias para divulgação, especialmente pelo Instagram, mas é preciso ficar atento para que suas produções estejam protegidas por direito autoral, pelo Copyright ou pelo Escritório de Direitos Autorais da Biblioteca Nacional.  O mais importante é a perseverança. Se você acredita no seu trabalho, não desanime. A divulgação demora e é trabalho de formiga, um passinho de cada vez, mas é muito gratificante receber o retorno dos leitores, as críticas e sugestões à nossa produção. E a internet nos proporciona isso.

Cristina: Você acabou de lançar o segundo livro da série Krios: “Traição”. Para quando podemos esperar o terceiro? Será a finalização da série, ou há mais novidade pela frente?

Márcia: A Série Krios é uma trilogia. Então, o próximo livro finaliza a série e deve sair no segundo semestre de 2020. Estou escrevendo ainda e, como disse, gosto de reler e reescrever inúmeras vezes, por isso peço paciência aos leitores. Para além desta série, tenho outras ideias de romance que espero colocar no papel e na internet, depois de terminar o terceiro livro.

Cristina: Como o meio digital nos facilita certas interações, gostaria de pedir-lhe, só para finalizarmos, que deixe aqui sua mensagem e aproveite para mandar um recado para os leitores do Tecendo o verbo e (porque não?) para seus futuros leitores.

Márcia: A vida é curta demais para que deixemos para amanhã o que realmente gostamos e desejamos fazer, mesmo que haja pessoas que não acreditam ou que não te apoiem. Olhe ao seu redor que você verá quem realmente está com você e siga em frente. Isso não é fácil, porque tudo requer muito tempo e muita dedicação, mas é gratificante. Escrever está sendo, para mim, uma descoberta fascinante. É fantástico criar novos mundos, refletir sobre o futuro da humanidade, desvendar mistérios e vivenciar aventuras com Dora e Marvil, salvar o universo de uma guerra intergaláctica, apaixonar-se pelos personagens, sofrer e alegrar-se com eles. Meu maior desejo é que os leitores também possam vivenciar tudo isso.

Cristina: Obrigada, Márcia! Foi uma experiência muito legal! Esperamos poder tê-la conosco em outras oportunidades.

Márcia: Foi muito bom conversar com você, Cristina. Agradeço o convite e a oportunidade. Espero que possamos fazer isso mais vezes. Beijos para você e todos os leitores.


Bem, pessoal, este foi o rápido mais muito agradável bate-papo com a Márcia Silva. Vale a pena conhecer seus livros, viu?! Tem muitas ideias legais para refletir e muitas horas de diversão, especialmente para quem gosta de ficção científica e romance.

Por que, agora, vocês não aproveitam o espaço dos comentários e trocam umas ideias conosco?!? Tenho certeza de que a Márcia e eu, claro, adoraremos saber o que pensam sobre tudo o que conversamos.

Um abração! Até a próxima.

Compartilhe!

2 thoughts on “Entrevista: “Voando para Krios na imaginação de Marcia Silva”

  • 18/11/2019 em 20:23
    Permalink

    Adorei participar do Tecendo o Verbo. Obrigada, Cristina! Espero que todos curtam a viagem ao planeta Krios.

    Resposta
    • 18/11/2019 em 20:36
      Permalink

      Oi, Márcia! O prazer foi meu em tê-la aqui conosco. Torço pelo sucesso da sua série e dos novos textos que virão. Tenho certeza de que muitos leitores do Tecendo o verbo também gostarão! Bjs.

      Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *