Reza e festa

Por: Cristina Vergnano


Foto (detalhe): W. L. J. 2014.

Meia noite, 13 de maio. Estrondos insistentes enchem a madrugada. Paro intrigada. Será balão? Fogos? Estarão de novo estourando um caixa eletrônico? Será outra investida a uma comunidade?



Aí, ligo o dia à data: Nossa Senhora de Fátima. Talvez o ribombar venha apenas da veneração à Santa e do desejo de paz e saúde. Faço uma breve oração e espero que assim seja.

Compartilhe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *